Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Mateus, não!

por A Pipoca Mais Doce, em 26.05.14

O Mateus está a começar a perceber que a vida não é justa e que existe uma palavra chamada "não" que o impede (ou tenta, pelo menos) de fazer tudo o que quer. E ele já quer fazer muita coisa, quase tudo asneiras. Rasgar revistas, atirar telemóveis ao chão, atirar pratos ao chão, atirar garfos ao chão, atirar copos ao chão, atirar brinquedos ao chão, atirar comandos ao chão, meter comandos na boca, etc e tal. É tudo mais ou menos deste género. Podia dar-lhe para fazer coisas ajuizadas, mas não, só está bem a fazer disparates. E com os disparates chegou o "não". E chegaram as birrinhas e os amuos e os gritos enervados e as costas arqueadas. Hoje chegou também uma coisa nova. Quando ele, pela enésima vez, decidiu fazer "brrrrllllllll" com a língua e cuspir tudo à volta, estiquei-lhe um dedo à frente do nariz e disse "Mateus, não!". O que é que ele fez? Agarrou-me no dedo, enfiou-o na boca e tau, uma valente dentada com os seus três dentinhos que pareciam inofensivos e, afinal, são verdadeiras dentuças afiadas. Sacana do puto. A reacção teve graça, sobretudo porque eu não estava à espera, mas cheira-me que vou ter de começar a explicar-lhe quem é que manda aqui. E que as frustrações dele não se resolvem à dentada. Temos um longo caminho pela frente.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:36


12 comentários

De Blog Profissão Mãe a 27.05.2014 às 01:12

Ainda assim devias estar contente Ana, ele está a evoluir no caminho certo...tirando a parte da dentada, mas lol que tb faz parte da idade :)

De Tania Rebelo a 27.05.2014 às 11:11

Como te percebo...boa sorte :)

De Galopim a 27.05.2014 às 11:44

Pois, o problema dessas reacções é esse mesmo: têm graça. E nós rimo-nos e estragamos tudo, por muito que não queiramos. Mas força nisso Pipoca! Estou contigo. :P

De Carla Marques a 27.05.2014 às 12:34

ahahahah, esse episódio tem piada, sendo com os outros. :P Ainda estou para ver como vou educar a minha filha sem qualquer tipo de violência física ou psicológica (que afirmo abominar). :)

De Ana b. a 27.05.2014 às 13:38

Hahaha , ainda bem que estás de volta :)

De Ana a 27.05.2014 às 14:48

Lamento informar, mas até o estádio do egocentrismo não passar vais ter muitas dores de cabeça com as dentadas, já que é uma consequência deste estádio sacana, para além das famosas birras.

De Ana Couceiro a 27.05.2014 às 14:55

Chegou o momento do não! E vão ser só os primeiros... :S

De Caco a 27.05.2014 às 18:12

Quando comecei a dizer NÃO a Baby Caco, a reacção dele era olhar para mim, rir-se e continuar o que estava a fazer. Eu continuava a dizer "Não" e a mostrar-me chateada e ele continuava a sorrir, mas, desta vez, com um sorriso nervoso e mais apreensivo, como quem diz: "estás a brincar, não estás?". Hoje em dia, aos 16 meses, quando ouve um "Não", normalmente grita, enfurecido. Estou no bom caminho, portanto :-).

De Juliana B. a 28.05.2014 às 18:18

Os tempos de menino Jesus fofucho duram até aos 6 meses, mais coisa menos coisa, connosco pais babadérrimos e apaixonadérrimos. Não podíamos ter melhor filho somos uns sortudos e o vizinho do lado é que tem uns putos horríveis e birrentos, que não soube criar. Depois quando menos esperamos começam a emergir nos nossos anjinhos os reguilas displicentes. Que alternam na mesma com os fofuchos. E nós feitos baratas tontas a pender de um lado para outro, manipuladíssimos. Percebemos que educar putos é dose, que nem sempre está tudo na nossa mão, e que a criancinha tem muita vontade própria, que vamos moldando como podemos, mais à nossa medida. Que afinal se calhar os pais dos putos do lado só fazem o melhor que sabem e podem.
O meu reguila tem 8 anos e às vezes quero esganá-lo, outras quero cobri-lo de beijos. Umas vezes desqualifica-me, outras põe-me num pedestal. E o amor entre nós é enorme.

De Filipe a 28.05.2014 às 19:15

Será que isto não vai contra as teorias do famoso pediatra espanhol Carlos González?

Comentar post


Pág. 1/2






Digam-nos coisas

apipocamaisdois@gmail.com

Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Arquivos

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D