Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



AVENTuras da Mamã #9

por A Pipoca Mais Doce, em 20.08.13




Ataque às bactérias!

 

Entre muitas outras coisas, uma pessoa percebe que é mãe quando a bancada da cozinha, outrora livre e reluzente, de repente se vê ocupada por filas de biberões, latas de leite em pó, chupetas e todo um monte de coisas ligadas ao universo infantil. É a vida. Com a chegada de um filho cedemos em muitas coisas, a bancada da cozinha é só uma delas. A verdade é que temos de ter tudo à mão de semear, tamanha a quantidade de vezes por dia que esta pequena lontra tem de ser alimentada. Apesar de comer de 3 em 3 horas (às vezes, na loucura, de 4 em 4), parece que estou sempre de biberão em riste, pronta a calar o choro agudo do miúdo (é um grande fofinho, mas quando abre a goela não há quem aguente). A minha vida é isto: prepara biberão, dá biberão, põe a arrotar, adormece, prepara biberão, dá biberão, põe a arrotar, adormece. E assim sucessivamente, muiiiiiiiiitas e muitas vezes ao longo do dia. Aaaaah, e esqueci-me de uma parte importante do processo: esterilizar biberões. É chato, mas tem de ser. Sei que há quem salte esta parte, quem pense que o que não mata engorda, que antigamente não havia mariquices deste género e os miúdos criavam-se, mas eu acho que com estas coisas não se brincam. Os bebés têm um sistema imunitário fraquinho, e até que fique mais desenvolvido convém esterilizar biberões e chupetas, que as bactérias andam aí. O processo só não é mais penoso porque temos um esterilizador para cima de espectacular. Há quem faça a coisa à antiga, com água a ferver numa panela, mas já ouvi vários casos que correram mal, com os biberões a acabarem derretidos e perdidos para todo o sempre no fundo da panela. Para mim isto não dava. Para além de demorar uma vida, sou pessoa que tem pavor a água a escaldar, começo logo a antever todo um rol de desgraças. Cá por casa estamos muito contentes com o esterilizador 3 em 1 eléctrico da AVENT, que tem espaço para uma data de biberões de tamanhos diferentes, e ainda tem um compartimento à parte para peças mais pequenas, como as chuchas. É só atirar tudo lá para dentro et voilá! Em seis minutinhos está tudo pronto a usar. 

 

 

(a cozinha cá de casa)

 

Uma outra opção, perfeita para quando se vai de viagem, são os saquinhos esterilizadores. Já usámos quando fomos de fim-de-semana com o miúdo e são, de, facto, muito úteis. Não ocupam espaço e basta pôr o biberão no saco e levar ao microondas durante um minuto e meio. Uma embalagem inclui 5 sacos de esterilização para microondas e cada um deste pode ser utilizado, no mínimo, 20 vezes. Mais prático é impossível!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:11


1 comentário

De mary a 21.08.2013 às 12:22

Tenho uma bebé de 15 meses, nasceu em Madrid, por incrivel que pareça, toda a equipa profissional do hospital foram unanimes, não se esterilizam biberões, nem chupetas, nada, uma higiene rigorosa mas nada de esterilizar, o peito não se esteriliza por isso não há necessidade de esterilizar isto dito por todos eles, estavam todos em sintonia, no inicio dei peito mas teve que ser acompanhado de biberão pois é uma comilona e não ficava satisfeita, então resolvi acatar a informação que me foi dada , lavava muito bem e uma vez por semana esterilizava, nada de exageros com esterilizações, e na verdade tudo muito bem até hoje, nunca ficou doente e foi para a creche aos 4 meses, dai a minha decisão de não esterilizar, pois como ia tão pequeninha para a creche e ai não estão com os cuidados que temos nos em casa, por mais que façam não são como nós e assim já estava mais "imunizada". mas respeito quem esteriliza e se no hospital não me dissessem o contrario eu iria esterilizar todos os biberões todas as chupetas..etc
beijinhos

Comentar:

De
(moderado)
Este blog tem comentários moderados.
(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.
Comentário
Máximo de 4300 caracteres
Inserir emoticons






Digam-nos coisas

apipocamaisdois@gmail.com

Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Arquivos

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D